Marlene Constantino

Cada pedacinhos de sonhos guardados, quando tocados renascem, voam como borboletas

Textos




NOS LÁBIOS MEUS
Marlene Constantino



O olhar da razão mede a distância,
aquela que os olhos do coração
não consegue medir.
Bastou um afago nos sentimentos
e o que parecia distante
surgiu tão de repente,
teu nome, tão dentro, tão rente,
tão perto, desperto nos lábios meus.

 
Marlene Constantino
Enviado por Marlene Constantino em 16/08/2018
Alterado em 16/08/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras